quarta-feira, 27 de junho de 2012

Traição Concedida ou Corno Indireto?




Você já ouviu falar de “traição concedida”? ou “corno indireto”? com certeza não, por que foi eu que inventei esse termo para uma situação muito comum nos relacionamentos, os homens não assumem mas no fundo sabem, o homem que já namorou muito tempo já deve ter passado por isso, a namorada começa e reclamar do relacionamento diz que está desgastado, começa com infinitos jogos emocionais e diz que precisa de um tempo para pensar longe de você. E o que acontece?

Ela sai com as amigas, vai para festas, baladas, churrasco com a turma da faculdade (são os piores) vive emoções de todos os jeitos, passa na mão de vários cafajestes, destacados e playboys, depois que está cansada de tanto ser usada, ou já satisfeita com o inflamento de Ego de transar com homens superiores a você, ela vem chorando e dizendo que te quer de volta, que não vive sem você, e agora descobriu que te ama de verdade. E você otário aceita.

Ela pode também fazer jogos emocionais, inventar que foi traída por você só pra gerar motivos para um término de namoro, e depois aproveitar a liberdade para quicar na vara de vários destacados que a cantava enquanto namorava com você, e depois vem chorando e dizendo que se enganou com você e bla,bla,bla...

E agora o pior, o famoso namoro termina e volta, muito conhecido como cachorrada, falta  de vergonha na cara e afins, se você vive um relacionamento de brigas e reconciliações freqüentes você não passa de um “corno indireto”, ou você acha que hoje em dia aonde o feminismo e os “Direitos Iguais” reina, quando sua namorada termina com você (ou você termina com ela). ela fica em casa chorando esperando você voltar?, Se você pensa assim e sinal que ainda está na matrix.

Acorda e abre o olho otário....já cansei de “ver” e “comer” meninas lindas de família que ligam para o ex-namorado chorando, dizendo que ama, pedindo pra voltar ou chamando pra vir encontrar com ela, quando o rapaz não pode ou não que voltar pra elas em 10 minutos elas começavam a se oferecer para o destacado ou cafajeste mais próximo (no caso para o TYPE) e eu rapava a vara mesmo.
Então meu amigo se você já aceitou isso ou passa por isso e ainda volta para sua ex, e sinal que está aceitando ser traído você é um “corno indireto”

2 comentários:

  1. foda mesmo type!

    Meus instintos sempre me disseram pra nao confiar em mulher que termina o relacinamento, nem nas que brigam, se a mulher briga comigo e porque me ve no mesmo nivel dela, como outra mulher e mulheres competem entre si, quando ela considera o kra como homem, respeita sua superioridade.

    Os machistas tavam certos a mulher tem que ser submissa, se ela nao for nao vai ser feliz...

    Quem e corno indireto merece cada chifre!

    ResponderExcluir
  2. Os manginas são bons exemplos de cornos indiretos.

    ResponderExcluir